Família procura por cantor sertanejo que sumiu ao sair para sacar dinheiro em Goiânia

A família do cantor sertanejo Gilson da Silva Neves, de 31 anos, procura pelo homem que está desaparecido desde a última sexta-feira (24), em Goiânia. De acordo com uma prima do músico, a auxiliar de saúde bucal Tânia Rosa das Neves, ele saiu de Silvânia, na região sul de Goiás, para emitir a carteira de trabalho na capital, e a última vez que deu notícia, há quatro dias, estava a caminho do banco para sacar dinheiro.

Segundo ela, ele retornaria para Silvânia no sábado (25), para se apresentar no bar da mãe dele. “Ele veio para resolver as coisinhas dele e ir embora. Tanto que já estava marcado este show para ele fazer no barzinho da minha tia, para ele organizar a vida dele. Ele não é de desaparecer”, disse a prima.

A mãe de Gilson, a dona de casa Jesuína da Silva, registrou o desaparecimento, na segunda-feira (27), na delegacia de Silvânia. Em entrevista à TV Anhanguera, ela afirma que tem esperanças de que o filho seja encontrado.

“Não estou boa não. Eu quero que meu filho volte para casa”, disse a mãe, chorando.

A Polícia Civil investiga o caso e, caso alguém tenha informações sobre o desaparecimento, pode entrar em contato pelo telefone 197, sem a necessidade de se identificar.

Ligação misteriosa

A família contou que a última vez que Jesuína falou com Gilson, foi por volta de 20h de sexta-feira, e ele estava caminhando a pé pela Avenida Anhanguera, no Centro, para o Setor Universitário, onde sacaria o dinheiro. Depois disto, ele não deu mais notícias.

A prima de Gilson conta que no sábado à tarde uma mulher atendeu o telefone do cantor, e disse que havia achado o aparelho debaixo de um banco no Setor Universitário, e se comprometeu a devolver o aparelho. No entanto, todas as ligações caem na caixa de mensagens.

G1/GO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *