Ford anuncia demissão de 2 mil na Bahia e estaleiro no Rio já demitiu 3 mil

Chega a ser difícil acompanhar o noticiário sobre demissões, férias coletivas e demais consequências drásticas da crise econômica que assola o país. O caos é tamanho que às vezes os fatos se atropelam. Os dois casos trágicos ocorreram em menos de 48 horas.

Primeiro, o estaleiro Eisa fecha as portas de forma abrupta e os metalúrgicos descobrem a tragédia quando dão de cara com os portões fechados e uma carta coletiva demitindo todos eles. Depois, a Ford de Camaçari (BA, região metropolitana de Salvador) avisa que demitirá 2 mil trabalhadores; na primeira etapa, por meio do PDV (plano de demissão voluntária).

O desemprego segue a galope no país. A própria Petrobras já afastou 128 mil trabalhadores terceirizados. Especialista em trabalho revela expectativa de 10 milhões de desempregados em 2016.

PAINEL POLÍTICO acha que na verdade, Dilma Rousseff deveria pedir sua demissão voluntária. Pouparia o trabalho do impeachment.

Anúncios
Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

1 thought on “Ford anuncia demissão de 2 mil na Bahia e estaleiro no Rio já demitiu 3 mil

  1. infelismente em tempos de crise isso e comun de acontecer infelismente
    nosso pais ta enteraado numa malha corrupta que atraza a economia do pais , desfavorecendo empresas , desequilibrando industrias , causando exodo nas mesmas. gerando isso desemprego empresas demitindo funcionarios , reduzindo gente ., e uma pena isso
    #painelpolitico

Participe do debate. Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: