Funcionário do DER diz que máquinas do órgão estão sendo roubadas

[su_frame align=”right”] [/su_frame]O controle das máquinas do Departamento de Estradas de Rodagem-DER de Rondônia está sendo questionado pelo funcionário de carreira, Nélio Dias Rezende. Há dias uma pá- carregadeira modelo New Holland, modelo W-130, patrimônio 8914, amarela, desapareceu e ainda não foi encontrada.

Agora a denúncia de Nélio é da pá-carregadeira do mesmo modelo, com valor estimado em R$ 350, que estava estacionada na Estrada Jatuarana, BR 319, km 05, assentamento Joana Darc, até a BR 364, 10 km após o Rei do Peixe.

O chefe da campo do DER, Otacílio Pinto Cardoso, foi avisado, segundo ele, por telefone, que uma máquina com o logotipo do DER estava sendo transportada pela BR 364, imediações do Trevo do Roque. Disse que imediatamente rumou para o local e na cidade de Itapuã do Oeste, distante 100 km de Porto Velho, o motorista parou em um restaurante às margens da rodovia.

Otacílio disse que pediu apoio a policiais militares amigos de Itapuã do Oeste, para abordar o motorista, que foi levado para a delegacia da cidade e ouvido pelo delegado de plantão. O motorista, Cristiano Peres Ernandes, que alegou ter sido contratado por R$ 1 mil para levar a máquina, que estava com a chave no contato, para o local citado acima.

O motorista e o ajudante, após serem ouvidos na delegacia foram dispensados, mas o caminhão Volvo, placas NDG 9133 (Porto Velho), de cor branca e modelo 07/07 e a pá-carregadeira foram apreendidas, e aberta investigação.

Nélio Dias Rezende é servidor de carreira do DER

Segundo Nélio Rezende, não foi explicada pelo responsável pela máquina, Otacílio Cardoso, funcionário do DER, o porquê de a pá-carregadeira estar no local onde foi carregada pelo motorista do caminhão. “Não há como aceitar que uma máquina de custo elevado como a que estava sendo levada para um local distante a mais de 100 km de Porto Velho, sem uma finalidade. O que estava fazendo a máquina no Joana Darc sem os devidos cuidados de segurança”, questionou Nélio.

A outra pá-carregadeira furtada em outubro último nas imediações do Distrito de Triunfo, em Candeias do Jamari, ainda não foi encontrada. Para Nélio, o furto quase consumado, “deve ser obra da mesma pessoa que furtou a outra máquina”, finalizou.

Com informações do Rondonia Dinamica

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário