Funk rola solto no sistema de som do STF e causa constrangimento

Um fato inusitado chamou a atenção nos corredores do Supremo Tribunal Federal na última terça-feira. O prédio, onde até bem pouco tempo as mulheres sequer podiam usar calças, foi palco de uma situação constrangedora, quando o sistema de som começou a tocar um “pancadão”, deixando advogados, ministros e servidores atônitos e ruborizados.

Entre as faixas que tocaram por cerca de 40 minutos, tinha até o refrão “vai descendo gostosinho”.

A festa só acabou quando uma ministra do Supremo pediu vista da programação musical. Após condenação sumária do funk, os clássicos da MPB voltaram aos corredores da Corte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *