Inscrição para revalidar diplomas médicos pode ser feita até dia 21

As inscrições para as provas do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeiras (Revalida) foram abertas dia (8) e vai até próximo dia 21. O exame é feito por quem se formou em medicina no exterior e quer exercer a profissão no Brasil. O edital do Revalida 2015 está publicado da edição de ontem dia (8) do Diário Oficial da União.[su_frame align=”right”] [/su_frame]

Na primeira fase, a taxa é R$ 100. Quem for aprovado, pagará R$ 300 na segunda etapa. As inscrições são feitas na página do Revalida na internet.

O Revalida terá duas etapas de avaliação. A data provável para a aplicação da primeira etapa é 18 de outubro. Essa fase terá uma avaliação escrita com a aplicação de duas provas, uma objetiva, composta por questões de múltipla escola, e a outra com questões discursivas.

Na segunda etapa, são avaliadas habilidades clínicas, com base em um conjunto de dez atividades, nas quais os candidatos executam tarefas específicas. As datas prováveis de aplicação da prova de habilidades clínicas são 28 e 29 de novembro.

O participante poderá escolher a cidade onde fará a primeira etapa do Revalida. Os locais onde poderá ser feita a avaliação da segunda etapa serão divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Para participar do Revalida, é preciso ser brasileiro ou estrangeiro em situação legal no Brasil; ter Cadastro de Pessoa Física (CPF) emitido pela Receita Federal do Brasil; ter diploma médico expedido por instituição de educação superior estrangeira, reconhecida no país de origem pelo seu Ministério da Educação ou órgão equivalente, autenticado pela autoridade consular brasileira.

Com informações do site Brasil Notícia

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário