José Carlos Bumlai, preso na Lava-Jato, ganhou R$ 2 milhões em agência do Bradesco de Guajará-Mirim

José Carlos Bumlai ganhou 2 milhões de reais num sorteio do Bradesco.

[su_frame align=”right”] [/su_frame]Ele investiu mil reais num bilhete do “Pé Quente Bradesco” e embolsou algo equivalente ao que Fernando Baiano pagou-lhe pelo lobby de Lula junto à Sete Brasil.

A Folha de S. Paulo disse que os 2 milhões de reais foram pagos a José Carlos Bumlai em uma agência do Bradesco de Guajará-Mirim, em Rondônia.

O jornal lembra que “o patrimônio e os negócios dele e de sua família concentram-se em MS e SP”.

O advogado do pecuarista não comentou o assunto porque desconhecia detalhes do prêmio. A Bradesco Seguros também afirmou que, “de acordo com regras internas de ‘compliance’, não fornece nem comenta informações relativas a clientes”.

O sorteio ocorreu em dezembro de 2012, mas o prêmio de R$ 2 milhões, do “Pé Quente Bradesco”, foi resgatado somente no dia 15 de janeiro de 2013. A quantia é resgatada graças a um título de capitalização, um investimento que não rende juros. É uma aplicação em que o comprador do título só consegue ter de volta o valor investido se não mexer na quantia durante 2 anos.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *