Um policial civil de Roraima recebeu uma multa de trânsito com foto de um carro em alta velocidade na BR-101, em Pernambuco. Mas segundo ele, o veículo que aparece na imagem não pertence a ele. A carta de notificação chegou na sexta-feira (3).

Francisco Gomes disse acreditar que o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) tenha confundido uma das letras da placa dos veículos, que são de marca e modelo diferentes.

O carro foi flagrado por um pardal no município de Abreu e Lima, trafegando a 59km/h, quando a via permitia apenas 50km/h. A infração ocorreu no mês de agosto.

“No dia da infração eu estava em Boa Vista, de plantão, e eu nunca viajei com meu carro pra lá [Pernambuco]”, afirmou.

Francisco disse que tem até o dia 30 deste mês para entrar com recurso no DNIT, caso contrário, pode ser multado em R$ 195,23 e ganhar 4 pontos na carteira por se tratar de uma infração média.

“Eu registrei um boletim, mas mesmo recorrendo, vou ter prejuízo. Eu vou ter que enviar uma carta registrada para o DNIT em Brasília com cópias autenticadas da minha carteira de motorista e documento do veículo”, explicou.

Em nota, o DNIT disse que a o caso já foi analisado e a infração foi cancelada e arquivada.

G1/RR

Alan Alex

Alan Alex

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *