Mulher de Pizzolato critica o PT: ‘Ele foi abandonado’

A esposa do ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil, Henrique Pizzolato, alegou preferir viver longe do marido do que vir para o Brasil. Andrea Haas, afirmou que teme o assédio da imprensa brasileira. “Não voltei porque aqui estou tranquila”, disse.

Em Modena, na Itália, Andrea prepara um pedido de revisão criminal do mensalão, que será apresentado ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Andrea comentou também que tem queixas contra o PT. “Pizzolato foi abandonado pelo partido. Depois que o caso do mensalão explodiu, o PT simplesmente fingiu que não era com ele. A base do partido, a militância, começou a se definhar ali”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *