Mulher que queria ser a mais obesa do mundo está emagrecendo com sexo

Dieta chegava a inacreditáveis 13 mil calorias diárias

Com 324 quilos, Patty Sanchez sonhava em ser a mulher mais obesa do mundo e seu marido a encorajava a engordar mais e mais. A americana de Nevada chegava a consumir incríveis 13 mil calorias diárias para atingir seu objetivo, segundo o Globo.

Quando o relacionamento terminou, Patty começou a mudar de vida graças a outro homem, Bryan Johnson. Com o namorado, a mulher já perdeu 120 quilos. Em grande parte, segundo ela, graças a sexo frequente.

“Temos uma vida sexual aventureira e bastante ativa. Não conseguimos tirar as mãos um do outro”, contou Patty, em reportagem do “Metro”.

O casal se conheceu por meio do site “Big Beautiful Women”, destinado a homens que gostam de gordinhas. Gordinhas não: obesas mórbidas como Patty era.

“Minha vida precisava mudar. Bryan gosta de mulheres grandes e temos muito em comum. Estou completamente apaixonada. Bryan mudou a minha vida totalmente”, disse.

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário