Papa Francisco leva cardeais de van para ver Bento XVI

Papa Francisco leva cardeais de van para ver Bento XVI

Os dois Pontífices se reuniram no fim de semana

Além de nomear novos cardeais, o consistório do último sábado (19) no Vaticano serviu para marcar mais um gesto de afeto entre o atual Papa, Francisco, e o anterior, Bento XVI. Mostrando respeito ao seu antecessor, Jorge Mario Bergoglio deixou a Basílica de São Pedro ao lado dos novos cardeais e seguiu de van até o monastério Mater Ecclesiae, onde vive Joseph Ratzinger.

Lá, o primeiro ato foi um longo abraço entre os dois religiosos em um gesto que foi repetido por todos os novos cardeais. Com a autorização de Francisco, Bento XVI iniciou uma oração de benção aos “recém-promovidos” e mostrou uma boa parceria com o atual Pontífice. Em clima amistoso, os dois ainda trocaram algumas palavras antes de se despedir. Aparentando estar mais magro do que em sua última aparição pública, Ratzinger mostrou-se bastante disposto e sorridente durante todo o tempo. Assim como ocorreu no consistório do sábado, o papa emérito optou por permanecer no monastério durante a celebração do encerramento do Jubileu da Misericórdia na Praça São Pedro, realizada no domingo (20).

Desde que assumiu seu Pontificado após a renúncia de Bento XVI, Bergoglio sempre ressaltou a importância da atuação de seu antecessor e elogiou, por diversas vezes, seu “nobre gesto” de abdicar da liderança da Igreja Católica quando viu que não tinha mais forças para isso, sendo que a entidade teria uma eterna “dívida de gratidão”.

O alemão, por sua vez, disse ter ficado “surpreso” com a escolha de Francisco pelos cardeais no conclave, mas disse admirar a “enorme simpatia” que o seu sucessor tem entre os cristãos e os não cristãos.

Deixe um comentário