PF vai investigar “manifestantes” que estavam na Assembleia

Fotos e filmagens foram encaminhados a pedido da Polícia Federal que identificou servidores comissionados

[su_frame align=”right”] [/su_frame]Porto Velho – A Assembleia Legislativa encaminhou na manhã desta quarta-feira, fotografias e filmagens dos manifestantes que se encontravam na tarde de terça-feira no plenário da Casa com faixas e cartazes que pediam a expulsão do presidente Hermínio Coelho e a permanência do governador Confúcio Moura, que está sendo investigado por supostos recebimento de propina de empresas contratadas do Estado.

Foram identificados entre os supostos manifestantes, servidores comissionados do governo, que estavam em horário de trabalho. Também foram reconhecidos fornecedores do Estado, que teriam pago  transporte para que populares lotassem o plenário da Assembleia. A partir da identificação dos presentes, eles passaram a ser chamados para depor.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *