PGR cobrará R$ 170 mil de Pizzolato por despesa com extradição, diz Janot

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, informou em entrevista nesta sexta-feira (23) que o Ministério Público Federal vai cobrar R$ 170 mil de Pizzolato, pelos gastos com a extradição dele da Itália para o Brasil.

[su_frame align=”right”] [/su_frame]Os gastos variam de tradução de documentos, até vídeos realizados nas 3 penitenciárias onde poderá cumprir pena, para demonstrar às autoridades italianas que Pizzolato, como cidadão italiano, teria tratamento digno nas prisões brasileiras.

Deixe um comentário