Pimenta Bueno, instabilidade política vem deixando população preocupada

Cidade teve prefeito afastado, eleições conturbadas e sonha com dias melhores a partir de 2017

Brasília – A cidade de Pimenta Bueno, distante cerca de 500 quilômetros da capital de Rondônia vive dias complicados desde as eleições deste ano. Ela vinha sendo administrada pelo prefeito Jean Mendonça, irmão do ex-deputado Kaká Medonça, que está preso por corrupção e era o mentor político da família. Jean, mais novo, foi eleito prefeito pelo PTB e fez uma gestão complicada, marcada por denúncias, descaso e inoperância.

Foram tantos os problemas que terminou perdendo a eleição para a estreante Juliana Roque (PSB), esposa do deputado estadual da região Cleiton Roque (PSB). Mesmo assim, foi uma campanha complicada para ambos, marcada por denúncias de compra de votos, intimidação de lideranças locais, uso de policiais para ameaças e até uma liminar suspendendo a diplomação de Juliana, que se manteve por uma semana, mas foi derrubada.

Juliana Roque conseguiu derrubar liminar que suspendia sua diplomação

E quando tudo parecia ter terminado, uma operação policial deflagrada no início desse mês afastou o prefeito Jean Mendonça, sob acusação de que ele e outros agentes públicos, ambos investigados, estariam aplicando golpes contra o sistema tributário, cancelando guias de IPTU, ITBI, e concedendo favorecimento ilícitos a empresas locais.

Jean Mendonça foi afastado por denúncias de favorecimento a “amigos”

Atualmente o município é comandado pela vice-prefeita, Ana Basto (PDT), que conduz os últimos dias de gestão no modo “automático”. A cidade está sem dinheiro, com obras inacabadas e politicamente orfã.

Inquéritos continuam

Em meio a esse caos, a situação pode piorar ainda mais. O Ministério Público prossegue com as investigações sobre o processo eleitoral na cidade, que continua em suspense em relação ao futuro político. O deputado estadual Cleiton Roque, vem tentando passar tranquilidade à população em relação a gestão de sua esposa, que começa em janeiro, mas o clima é de incerteza. Como os inquéritos não foram concluídos, a qualquer momento pode ocorrer uma reviravolta.

Além disso, existe uma forte pressão para que sejam anuladas as eleições no município e seja convocado um novo pleito, que não teria como candidatos nem Juliana nem Jean. Mas a legislação eleitoral é complexa e como não foram apresentadas provas, até o momento, convincentes que justifiquem uma medida tão drástica, o cenário deve permanecer inalterado.

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário