PM é preso suspeito de estuprar e matar vendedora

Ele foi detido e encaminhado ao Presídio Militar Romão Gomes, na zona norte da capital paulista

Um subtenente da Polícia Militar foi preso no sábado, 20, pela Polícia Civil de Registro, no interior paulista, suspeito de estuprar e matar a vendedora Janaina Santos, de 28 anos. Ela estava desaparecida desde o dia 28 de julho em Registro, cidade em que trabalhava.

O corpo só foi encontrado uma semana depois no município vizinho de Sete Barras, onde a vendedora morava. O cadáver havia sido largado em uma área rural.

O suspeito de cometer os crimes é um policial militar de 49 anos, também morador de Sete Barras.

Conforme as informações da PM, ele foi detido e encaminhado ao Presídio Militar Romão Gomes, na zona norte da capital paulista.

Investigadores encontraram vestígios de sangue no carro do suspeito, que teria confessado o crime, segundo a Polícia Civil. A suspeita é de que os dois se conheciam, mas a motivação ainda está em apuração pela Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Registro.
Estadao Conteudo

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário