Marconi Perillo é preso pela PF enquanto prestava depoimento

A informação é da TV Anhanguera, afiliada da TV Globo.

A declaração dele estava marcada para as 15h, em Goiânia, mas ele teria chegado duas horas mais cedo e entrado pelos fundos para evitar os jornalistas.

O político é considerado pela PF suspeito de receber R$ 12 milhões propina de empreiteiras para os pleitos eleitorais em 2010 e 2014.

Participe do debate. Comente!