Prédio da Angevisa de Porto Velho tem que ser evacuado após tremor

[su_frame align=”right”] [/su_frame]O prédio da Agência de Vigilância Sanitária (Angevisa) de Rondônia, localizado na avenida Nações Unidas, em Porto Velho, teve que ser evacuado nesta quarta-feira (8), após servidores sentirem o edifício tremer. Técnicos da Defesa Civil encontraram rachaduras nas paredes da construção. Mesmo assim, o local foi liberado para ocupação no início desta tarde e os funcionários já devem retomar as atividades.

Segundo os servidores, o tremor foi sentido pela manhã. “Ninguém sabe quanto tempo durou, cada um sentiu de um jeito nas salas. Eu estava no primeiro piso, o maior impacto foi no terceiro”, contou Lourdete Nunes, servidora da Angevisa. O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas antes mesmo da chegada dos agentes, as cerca de 160 pessoas que trabalham no edifício saíram do local.

No início da tarde, uma equipe da Defesa Civil municipal vistoriou o prédio. “É um prédio antigo, mas a estrutura dele tem só umas rachaduras”, informou o chefe de operações da Defesa Civil, Paulo Afonso. Os técnicos liberaram o acesso ao edifício e os servidores já voltaram a trabalhar. O laudo completo sobre a vistoria será concluído até quinta-feira (9). A Defesa Civil não se pronunciou sobre as causas do tremor no local.

Com informações do G1

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário