Reboque se solta e mata mulher que voltava do velório da mãe

O motorista do caminhão afirmou que só percebeu que o reboque havia se soltado quando chegou ao destino

Um acidente automobilístico tirou a vida da professora universitária Zeneide Ribeiro Campos, de 56 anos, no último domingo (12/8), na Rodovia dos Barrageiros, em Ilha Solteira (SP). O carro em que ela estava bateu de frente com um reboque que se soltou de um caminhão. Além dela, outras duas pessoas estavam no veículo -– seu cunhado e irmã. Eles ficaram feridos, mas não correm risco de morrer.

Zeneide chegou a ser socorrida pelo Corpo de Bombeiros, mas morreu durante o percurso até o hospital. O motorista do caminhão afirmou que só percebeu que o reboque havia se soltado quando chegou ao destino.

Zeneide morava em Nova Xavantina (MT). De acordo com uma amiga da vítima, ela havia viajado para o velório da mãe, que aconteceu no Maranhão. Segundo o G1, a professora, o irmão e a cunhada desceram de avião em Campinas e voltavam para Ilha Solteira de carro, onde ocorreu o acidente.

“Estamos todos abalados. Eles foram velar o corpo da mãe da Zeneide em Mirador (MA), que faleceu no dia 7 de agosto. Sepultaram e voltaram para Campinas de avião. Pegaram o carro e voltavam para Ilha Solteira quando o acidente aconteceu”, disse Zeila Maria Pescaroli.

Fonte: metropoles

Anúncios
Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Participe do debate. Deixe seu comentário