Marco Aurélio é eleito ministro substituto do TSE, já é o quarto mandato

Na abertura da sessão desta quarta-feira (6/6) do Supremo Tribunal Federal, o ministro Marco Aurélio foi eleito para uma das vagas de membro substituto do Tribunal Superior Eleitoral. Ele ocupará uma das três cadeiras na corte eleitoral destinadas a ministros do STF.

Os ministros Edson Fachin e Alexandre de Moraes, que já exercem a atuação de substitutos no TSE, foram reconduzidos para mais um biênio. A votação teve a participação dos 11 ministros.

Em maio, a própria corte definiu requisitos para a indicação de ministro da corte para o TSE. De acordo com a decisão, a prioridade deve ser daquele que nunca integrou o colegiado ou integrou por menos tempo.

Os ministros Ricardo Lewandowski e Marco Aurélio estavam na disputa da vaga ao TSE. Enquanto o primeiro só teve uma passagem pelo tribunal eleitoral, Marco Aurélio já teve três e assumirá o quarto mandato.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.