Sergipe perde 1.495 postos de trabalho em julho

Setor que mais demitiu foi na construção civil

Uma análise do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) afirma que em julho de 2016 foram eliminados 1.495 empregos celetistas em Sergipe. Os dados da pesquisa foram divulgados pelo Dieese nesta quinta-feira (25).

Levantamento diz que o resultado é equivalente a uma retração de 0,51% em relação ao estoque de assalariados com carteira assinada do mês anterior.

Os setores de atividades que mais contribuíram para este resultado foram a Construção Civil, que perdeu 769 postos, Comércio (-535 postos) e Indústria de Transformação (-131 postos).

Na série ajustada, que incorpora as informações declaradas fora do prazo, nos sete primeiros meses do corrente ano, houve decréscimo de 13.654 postos (-4,48%).

Ainda na série com ajustes, nos últimos 12 meses, verificou-se declínio de 3,86% no nível de emprego ou -11.683 postos de trabalho.

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário