STF concede terceira liminar contra impeachment de Dilma

A coluna Radar da revista Veja informa que a ministra Rosa Weber acaba de conceder a terceira liminar no mesmo dia contra o rito adotado pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para a tramitação do impeachment da presidente Dilma Rousseff.

É a segunda liminar da própria ministra, que desta vez respondeu a uma reclamação constitucional dos deputados petistas Paulo Teixeira e Paulo Pimenta impetrada no final da semana passada.

Desta vez, Rosa considerou que Cunha desrespeitou a sumula vinculante 46, do STF, que estabelece que o trâmite para processos por crime de responsabilidade só pode seguir o que está fixado em lei.

Para PAINEL POLÍTICO, essa decisão é uma pá de cal no processo de impeachment, que de qualquer forma, não desemperra esse ano.

Deixe um comentário