Voos diretos de Porto Velho para Belo Horizonte começam nesta sexta

Irmãs que perderam enterro do pai por atraso em voo serão indenizadas pela Azul

Serão três voos semanais para o Aeroporto Internacional de Confins

A partir desta sexta-feira (2), quem mora ou está a passeio em Porto Velho poderá viajar em voos sem escalas para Belo Horizonte (MG). Os voos serão operados pela Azul Linhas Aéreas.

De acordo com a companhia, serão três voos semanais saindo do Aeroporto Governador Jorge Teixeira, em Porto Velho, para o Aeroporto Internacional de Confins: segundas-feiras, terças e sábados, sempre às 1h20 da madrugada.

No retorno de Belo Horizonte para Porto Velho, os voos serão feitos nas segundas, sextas e domingos, a partir de 22h.

Porto Velho será o 43º destino servido pela Azul a partir de Belo Horizonte. Segundo a empresa, com a inclusão da rota, os passageiros que saem de Rondônia terão mais de 40 destinos para fazerem conexão, em aproximadamente 80 voos diários. A capital mineira é a o segundo maior centro de distribuição da companhia.

Ao ir direto até a Belo Horizonte, os passageiros que saem de Rondônia poderão fazer conexão para Araxá, Belém, Porto Seguro, Barreiras, Brasília, Cabo Frio, Cuiabá, São Paulo (Campinas, Guarulhos e Congonhas), Carajás, Curitiba, Feira de Santana, Fortaleza, Rio de Janeiro (Santos Dumont e Galeão), Governador Valadares, Goiânia, Foz do Iguaçu, Imperatriz, Ilhéus, Ipatinga, Lençóis, Marabá, Maceió, Montes Claros, Natal, Porto Alegre, Recife, São Luís, Salvador, Teixeira de Freitas, Uberaba, Uberlândia, Varginha, Valença, Vitória da Conquista e Vitória.

Motorista de Uber é esfaqueado por taxista em Belo Horizonte

Easy Taxi e 99 podem anunciar fusão contra o Uber

Segundo PM, taxista foi preso suspeito do crime

Um motorista do Uber foi esfaqueado nesta segunda-feira (29) na Avenida Cristiano Machado, no bairro União, Região Nordeste de Belo Horizonte.

Segundo a Polícia Militar um taxista foi preso suspeito do crime. Após o homem ser ferido, vários motoristas do Uber se reuniram no local.

O motorista foi levado para o Hospital João XXIII, de acordo com a corporação. A assessoria da unidade de saúde disse que às 22h, ele era atendido, estava consciente e estável.

O suspeito preso foi encaminhado para a Central de Flagrantes, na Rua Pouso Alegre, no Bairro Floresta, Região Centro-Sul da capital. Motoristas do Uber seguiram para a porta da delegacia.

Por volta das 22h50, cerca de 300 pessoas estavam no local acompanhando a ocorrência. A via precisou ser fechada e a Polícia Militar foi acionada para apoiar a segurança.

Com G1/MG

Casal é assassinado na frente de filhos dentro de casa, em BH

Segundo PM, um adolescente e duas crianças estavam no imóvel

Neste sábado (27), um casal foi morto a tiros dentro de casa em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O homem tinha 32 anos e a mulher 26, de acordo com a Polícia Militar.

Segundo informações do site ‘G1’, a Polícia Militar revelou que o crime aconteceu na presença dos filhos das vítimas, que estavam na residência da família.

Um dos filhos do casal contou aos militares que um homem invadiu a casa, que fica no bairro Citrolândia, e atirou contra os pais.

O suspeito teria cometido outro homicídio neste sábado na mesma região. A vítima era amiga do casal.

Ainda segundo a publicação, o motivo do crime ainda não havia sido esclarecido e ninguém havia sido preso.

Os filhos do casal foram encaminhados ao Conselho Tutelar de Betim.

Advogado acusado de mandar matar mulher é solto 2 dias após crime em BH

ocorrencias policiais

Segundo TJ, não foi encontrada ligação entre advogado e assassinos

O advogado, de 49 anos, suspeito de mandar matar a esposa em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, foi solto nesta quinta-feira (25), de acordo com a Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds).

O crime aconteceu nesta terça-feira (25) na Avenida General David Sarnoff com a Rua Joaquim Laranjo, no bairro Cidade Industrial. A vítima, Lílian Hermógenes da Silva, de 44 anos, foi baleada quando saia de casa. Conforme a Polícia Civil, ela foi surpreendia por dois homens em uma motocicleta e um deles fez os disparos.

O suspeito foi preso no dia do crime. Ainda de acordo com a corporação, a mulher tinha uma medida protetiva e estava sendo ameaçada. O marido não aceitava a separação.

De acordo com a assessoria do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), a decisão de soltar o advogado foi tomada pelo juiz Elexander Camargos Diniz. Mesmo reconhecendo que havia um relacionamento conturbado entre o casal e que o homem não se conformava com a separação, o magistrado alegou que não foi encontrada vinculação entre o suspeito e os dois assassinos.

De acordo com a assessoria da Polícia Civil, o delegado responsável pelo caso reafirmou, nesta quinta, que todos os indícios apontam que o advogado seja o mandante do crime. Ainda conforme a corporação, as investigações estão avançadas em relação à identificação dos executores.

MG: Homem é encontrado morto com pés e mãos amarrados

Ele foi baleado três vezes e ainda tinha uma sacola na cabeça, diz PM

Um homem foi encontrado morto em um matagal no bairro Vale das Esmeraldas, em Esmeraldas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, na madrugada deste sábado (23).

De acordo com a Polícia Militar, o corpo estava com uma sacola plástica na cabeça e com os pés e mãos amarrados. Ele ainda foi baleado três vezes.

Uma testemunha teria visto a vítima chegando em um carro com outros quatro homens, segundo o G1. Ainda não há informações sobre o que motivou o  homicídio. Até a conclusão desta reportagem ninguém havia sido preso.