Detento beneficiado em ‘saidinha’ do Dia dos Pais faz reféns durante assalto em SP

Detento beneficiado em 'saidinha' do Dia dos Pais faz reféns durante assalto em SP

Uma família foi feita refém na noite de terça-feira (15) no bairro Residencial Santa Maria, em Valinhos (SP), por presidiários beneficiados pela “saidinha” do Dia dos Pais. Uma das vítimas chegava em casa quando foi abordada por três homens, que o mantiveram amarrado junto ao irmão por 40 minutos.

Um dos suspeitos foi preso. Ele cumpria pena por roubo e porte ilegal de armas. Os outros dois conseguiram fugir.

A vítima contou à polícia que guardava o carro quando foi surpreendida no portão. Os suspeitos reviraram a residência em busca de dinheiro e armas enquanto mantinham os irmãos amarrados.

“A todo instante perguntavam se tinha arma, e que, se tivesse, íamos sofrer as consequências”, contou a vítima.

Fuga

Após a ação, os homens fugiram com o carro e a moto da família, além de eletrônicos, eletrodomésticos e outros pertences.

Durante a fuga, se depararam com policiais militares, que suspeitaram da atitude dos envolvidos e iniciaram uma perseguição. O homem que dirigia o carro da família acabou perdendo o controle e batendo o veículo em uma grade de proteção.

Suspeitos bateram o carro da família utilizado na fuga (Foto: Reprodução/EPTV)

‘Saidinha’ venceria nesta quarta

O homem foi identificado como sendo um dos detentos que obtiveram a saída temporária para a data comemorativa. Ele saiu da penitenciária no dia 11 de agosto e deveria retornar nesta quarta (16).

De acordo com o delegado Sandro Jonasson, o suspeito tinha a intenção de realizar o roubo para deixar dinheiro para a família antes de retornar à prisão.

Ele indicou, ainda, os outros homens que participaram do roubo e também estavam em liberdade por conta do Dia dos Pais. A Polícia Civil irá investigar.

Identificação do suspeito mostra data de retorno à penitenciária (Foto: Reprodução/EPTV)

 Fonte: g1/sp

Etiqueta com preço de smart TV por R$ 279 causa confusão

Etiqueta com preço de smart TV por R$ 279 causa confusão

O supermercado Sam’s Club de Natal, no Rio Grande do Norte, anunciou no último sábado uma smart TV da Samsung de 55 polegadas por 279 reais. A etiqueta do produto ainda dava a opção de parcelar a compra: 10 vezes de 27,90 reais ou 24 prestações de 14,90 reais.

Era véspera de Dia dos Pais e oito consumidores tentaram adquirir o produto pelo valor da etiqueta. Mas o gerente da loja impediu que a compra fosse efetivada, alegando que o preço correto era de 2999 reais.

A divergência gerou uma grande confusão e o Procon-RN foi acionado. “Nós recomendamos que o estabelecimento procedesse a venda pelo valor anunciado somente aos oito consumidores. Não seríamos a favor se a pessoa quisesse levar mais de uma TV ou se outras levassem pelo preço depois que o erro foi verificado”, afirmou o coordenador-geral do Procon-RN, Cyrus Benavides.

Apesar da recomendação, o Sam’s Club não permitiu a venda dos televisores pelo preço de 279 reais. O órgão de defesa do consumidor encaminhou o caso para a Delegacia Especializada em Defesa do Consumidor (Decon) de Natal. Os clientes que se sentiram lesados deverão entrar na Justiça para exigir a compra pelo valor da etiqueta. O estabelecimento terá 20 dias para apresentar a defesa.

O Sam’s Club afirmou que houve um erro humano. “Nenhum produto com as mesmas características poderia custar aquele valor. Casos em que notadamente há um erro escusável, de fácil constatação de uma falha evidente, se sobrepõe a boa-fé objetiva, que é um elemento norteador do Código de Defesa do Consumidor “.

Código de Defesa do Consumidor

Segundo o artigo 30 do Código de Defesa do Consumidor (CDC), “Toda informação ou publicidade, suficientemente precisa, veiculada por qualquer forma ou meio de comunicação com relação a produtos e serviços oferecidos ou apresentados, obriga o fornecedor que a fizer veicular ou dela se utilizar e integra o contrato que vier a ser celebrado”.

Fonte: veja.com

Jovem postou homenagem ao pai minutos antes dela e da mãe serem mortas por ele

Jovem postou homenagem ao pai minutos antes dela e da mãe serem mortas por ele

Minutos antes de ser morta a tiros pelo pai em Guaraci (SP), na tarde deste domingo (13), a jovem Anna Victoria Corrêa, de 18 anos, havia feito uma homenagem para ele em alusão ao Dia dos Pais em uma rede social. Na postagem, Anna Victoria Corrêa, de 18 anos, escreveu: “Feliz Dia dos Pais, meu negão”.

Segundo informações da polícia, o agente penitenciário Ronaldo da Silva Corrêa, de 49 anos, que já foi vereador na cidade entre 1997 e 2000, atirou na mulher, Rosicleia da Silva, de 46 anos, na filha e na própria cabeça. Mãe e filha morreram no local e ele foi levado ainda com vida à Santa Casa de Barretos, mas morreu à noite.

Um outro filho do casal, um menino de 5 anos, teria presenciado o crime e conseguiu correr para pedir ajuda. Ele foi acolhido por vizinhos, não se feriu e deve ficar com parentes até a Justiça decidir com quem ele vai ficar.

O corpo do homem foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Barretos. Os corpos da mãe e da filha serão velados em Guaraci, nesta segunda-feira (14).

O crime chocou os moradores da cidade de quase 10 mil habitantes. Uma das vizinhas, Luciama Bastres, comenta que o agente era educado e a mulher muito brincalhona e alegre. “A gente está muito chocado”, diz.

Fonte: g1/sp

Dia dos Pais tem pior desempenho no varejo desde 2005

Dia dos Pais tem pior desempenho no varejo desde 2005

Nos dias 12 a 14 de agosto, as vendas caíram 8,7% na comparação com o final de semana equivalente ao ano de 2015

Em meio a crise, as vendas para o Dia dos Pais tiveram o pior resultado desde o início da série histórica da Serasa Experian, em 2015.

Segundo informações do G1, na semana que antecede o fim de semana do Dia dos Pais, as vendas 8,8% em relação ao mesmo período do ano anterior. Já nos dias 12 a 14 de agosto, a baixa foi de 8,7% na comparação com o final de semana equivalente ao ano de 2015.

De acordo com economistas da Serasa Experian, a queda do poder de compra dos brasileiros e a inflação ainda em patamar elevado afetaram negativamente o movimento varejista no Dia dos Pais em 2016. “Também o crédito mais caro e escasso contribuiu para o desempenho negativo”, diz nota enviada à imprensa.