Cantor sertanejo é condenado por furtar correntes de ouro avaliadas em R$ 16 mil

Cantor sertanejo é condenado por furtar correntes de ouro avaliadas em R$ 16 mil

On : --

O cantor sertanejo Altemir Candido Barreiras foi condenado a dois anos de reclusão e pagamento de multa por furtar joias em uma joalheria de Gurupi, no sul do Tocantins. A pena de prisão de Dudu di Valença, nome artístico do cantor, acabou sendo substituída por serviços comunitários. O crime aconteceu em 2009 e o acusado ainda pode recorrer da decisão.

Anúncios