Coluna – Bancos negam terem sido vítimas de estelionato alegado pela Operação Apocalipse

Instituições classificaram o caso como “inadimplência bancária” e com isso esvaziam a denúncia

Pérola do dia

“Não sei como comunicaram a você e não me comunicaram. É uma pena”. A frase foi dita nesta sexta-feira pelo ex-presidente Lula, que foi apontado pela Polícia Federal como beneficiário do esquema do Petrolão. A PF solicitou do Supremo Tribunal Federal (STF) autorização para ouvir o ex-presidente em depoimento. Sobre a frase de Lula, é patético ele querer minimizar uma denúncia dessa natureza. As 9 digitais do ex-sindicalista estão por toda parte no que diz respeito a lobby para a Odebrechet e outras empresas que atuam dentro e fora do país. Isso só comprova o que todos sabem, que ele é uma farsa, e pior, um cínico.

Quer saber mais?

O pedido da “oitiva” de Lula foi produzido pelo delegado Josélio Azevedo de Sousa no volume 12 do inquérito da 3989, que investiga “crimes praticados por funcionários públicos contra a administração em geral”, “corrupção passiva”, “‘lavagem’ ou ocultação de bens” e outros. O pedido foi feito ao STF porque parlamentares com prerrogativas de foro privilegiado também estão no processo, não por Lula, ele não tem mais prerrogativa alguma. O trecho que cita o ex-presidente começa na página 112 e vai até a 122. CLIQUE AQUI para ler.

Apareceram, mas não convenceram

Aportaram na tarde da última quinta-feira na SEDAM as 17 camionetes compradas irregularmente com recursos do BNDES que eles ainda estão tentando resolver. Os veículos, que disseram ter sido plotados, devem ser usados no programa do Cadastro Ambiental Rural (CAR). O problema é que o programa ainda não está pronto. Ou seja, as camionetes, compradas irregularmente, devem seguir paradas. Legal também que desde que os carros chegaram por lá que tenho recebidos fotos da frota. Só que alguém consegue ver algum adesivo nesses carros aí?Soube também, pela rádio cipó, que determinado diretor apareceu com um Toyota zerinho, assim que as camionetes foram compradas. Acho que foi mera coincidência…

Os carros estão lá, mas não contam com nenhum adesivo de identificação do programa....
Os carros estão lá, mas não contam com nenhum adesivo de identificação do programa….

Recomeçou

Nos anos 80 Porto Velho virou um inferno com uma onda de invasões de terras urbanas. Foi nesse período que surgiram bairros como Nova Porto Velho, Cidade do Lobo, Eldorado, Tancredo Neves, a abertura da Avenida Jatuarana e todos os bairros do entorno. Nos anos 90 e 2000 ainda ocorreram invasões, mas com menor frequência. Alegando principalmente “função social” de áreas particulares, e as vezes incentivados pelos proprietários desses terrenos, os invasores tomam conta e começa aquele jogo de empurra. Os serviços essenciais, como energia elétrica vão sendo implantados clandestinamente e quando nos damos conta, eis que surge um bairro inteiro. E neste momento [su_frame align=”right”] [/su_frame]temos duas áreas em conflito em Porto Velho, o Dilma Roussef (que com um nome desse não pode ter muito futuro) e o Universitário.

A culpa é da justiça

Pois é. Normalmente o proprietário da área busca o judiciário tentando uma reintegração, mas esse processo é lento e o tempo favorece os invasores. Quero deixar claro que como cidadão sou totalmente contrário a qualquer tipo de invasão. Nada justifica a entrada em uma propriedade privada. Se o dono não paga impostos, ele deve para o Estado e isso não dá direito a ninguém entrar em sua área. Mas, no Brasil a invasão é institucionalizada e financiada com recursos públicos, vide o caso do MST, MTST e MSTU.

Voltando a justiça

Pois bem, o caso do Universitário, uma área que fica nos fundos da faculdade Uniron. O local foi invadido em 2008 e desde então a coisa rola pelo Tribunal de Justiça. Sete anos depois, com casas construídas, muitas já ampliadas e uma vida relativamente tranquila, eis que vem uma decisão judicial e determina a reintegração ao legítimo proprietário. Some-se ainda a má-fé de alguns picaretas que circulam nesses locais dando “garantias” a essas pessoas, em sua maioria de origem simples. Se a justiça brasileira fosse célere e agisse exemplarmente nessas situações, muitos problemas seriam evitados.

Quer ver?

Se uma área fosse invadida hoje, o proprietário impetrasse uma ação de reintegração e ela fosse julgada em no máximo 60 dias, não teríamos tantos problemas. Mas no Brasil, como em praticamente tudo, as coisas funcionam na base do faz de contas, da enrolação, da má-fé e da morosidade do Estado como um todo (quando digo Estado, me refiro ao tripé, Executivo, Legislativo e Judiciário). Infelizmente continuaremos tendo essas situações, vendo pessoas sofrerem, outras sendo massa de manobra e outras ficando ricas às custas dessas populações mais afetadas.

Falando em Universitário

Está agendada para a noite desta sexta-feira uma reunião com os deputados Maurão de Carvalho, Jesuíno Boabaid e o Chefe da Casa Civil Emerson Castro com os moradores da região. A idéia é buscar uma alternativa para a situação.

Assustador

Dados do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) revelam que o Brasil, como um todo, é o país da impunidade mesmo! Para se ter uma idéia, são registrados em média, cerca de 54 mil homicídios por ano, o que dá um pouco mais de 147 mortes por dia. Nem países em guerra matam tanto quanto aqui.

Ocorre

Que desses 54 mil homicídios, apenas 8%, isso mesmo, oito por cento, são esclarecidos, ou 4.320 casos. Parece pouco? E é. Rondônia, por exemplo, segundo dados consolidados de 2007 do inqueritômetro do CNMP, 97,4% dos homicídios foram esclarecidos e desses, apenas 14% foram denunciados e 86% foram casos arquivados, ou seja, não tiveram denúncia e deram em nada. Em 2008, foram solucionados 75% dos casos, sendo que 99% foram arquivados. Em 2009, cujos dados ainda estão sendo analisados, constam nos registros até agora 16% de casos solucionados e 100% de arquivamento. Vale destacar que estamos falando apenas de homicídios, não entram nessas estatísticas crimes de latrocínio, atropelamentos, etc.

Motivos de tantos arquivamentos?

Simples, falta de estrutura para investigar, falta de contingente, de perícia e condições mínimas de trabalho para as polícias. Em Rondônia, continuando como exemplo, temos uma perícia desfalcada de equipamentos que só funciona precariamente graças ao empenho dos policiais que atuam na área. O mesmo podemos dizer dos demais setores da segurança pública. Percebe-se com isso, que apenas os casos de grande repercussão social conseguem ter um desfecho aceitável. Traduzindo, a população está à própria sorte. É realmente assustador.

Falando em arquivamento

Os bancos que foram apontados como vítimas de estelionato por parte dos envolvidos na Operação Apocalipse, deflagrada pelo ex-xerife de Rondônia Marcelregistros negaram essa condição. No processo que julga a ação, os bancos classificaram o caso como “inadimplência” e não como “estelionato”. Com isso, a acusação de estelionato perde o objeto. As demais acusações estão sendo avaliadas, mas provas mesmo, daquelas concretas está sendo bem difícil conseguir….

E o 'xerife' perdeu mais essa....
E o ‘xerife’ perdeu mais essa….

Já tá preparado?

Fim de semana começando e já está na hora de dar uma passada na Prime, Espaço Gourmet e levar pra casa aquele corte especial de angus, além de uma meia dúzia de cervejas ou vinho para fazer moral com a patroa, o sogrão ou com os amigos. A Prime fica logo ali na Jorge Teixeira, 2773.

Lá na Prime tem esse corte ai....
Lá na Prime tem esse corte ai….

Já assinou?

Ou mandou para seus amigos o link do abaixo-assinado que pede o impeachment da presidente Dilma Roussef? Se não fez, CLIQUE AQUI para assinar. Até o fechamento da coluna, 492.178 já haviam assinado.

Via Lauro Jardim

Dilma combinou com Temer de falar do que caberá ao PMDB na nova Esplanada só no fim do mês, quando ambos tiverem voltado das viagens que farão. Temer viaja no dia 12 de setembro para a Polônia e a Rússia. Só volta dia 19 de setembro. Dilma posa de estadista em Nova York na Cúpula do Desenvolvimento Sustentável e depois na Assembleia Geral da ONU, a partir do dia 25 de setembro.

R$ 3,87

Foi quanto fechou o dólar nesta sexta-feira, a maior alta registrada desde 2002. Ao longo do dia, a moeda americana chegou a ser negociada por R4 3,91.

Um daqueles golpes do universo

Pelo menos 87 pessoas morreram e 184 ficaram feridas na queda de um guindaste em uma mesquita na cidade Meca, na Arábia Saudita, aquele país que abrigou Bin Laden e sua família. Em 11 de setembro de 2001 o mundo assistia, ao vivo, o maior atentado da história da humanidade contemporânea, quando aviões sequestrados foram lançados contra torres do Word Trade Center em Nova York. O ocorrido de hoje, evidente que não deve ser comemorado, afinal são vidas que se perdem. Mas não deixa de ser uma irônia do destino…

Para contatos

Fale conosco pelos telefones (69) 3225-9979 ou 9363-1909. Também estamos no www.painelpolitico.com e www.facebook.com/painel.politico e no Twitter (@painelpolitico). Caso prefira, envie correspondência para Rua da Platina, 4326, Conjunto Marechal Rondon. Whatsapp 9248-8911.

Clínica Mais Saúde informa: 90% das mulheres retomam o hábito de fumar depois da gravidez. Motivo? Stress
Mulheres que pararam de fumar durante a gravidez estão mais propensas a voltar ao vício devido ao stress enfrentado após o nascimento do bebê. É o que diz um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de East Anglia, na Inglaterra, publicado nesta quinta-feira, no periódico científico Addiction. Por meio da análise de mais de 1000 entrevistas realizadas com mulheres que tinham tido bebês, os pesquisadores descobriram que fatores como o stress de cuidar de um recém-nascido, associado a noites sem dormir contribuem para a recaída. Outro motivo: a maioria das mulheres para de fumar na gravidez com o objetivo de proteger o bebê dos malefícios do tabagismo e não por si mesmas. Nestes casos, as recaídas parecem quase inevitáveis. Outros fatores que contribuem para a volta ao hábito é a influência do parceiro fumante e a falta do apoio do companheiro nos cuidados com o bebê. “Para que as mulheres continuem livres do cigarro após o nascimento de seus filhos, é preciso haver uma mudança cultural, onde elas se sintam mais motivadas a seguir com a abstinência e tenham também a ajuda dos companheiros”, afirmou Caitlin Notley, principal autora do estudo e pesquisadora da Universidade de East Anglia.

Coluna – Acusado de agredir esposa, procurador é transferido

Indeferido

Mas por pouco tempo. No início da noite da última quinta-feira circulou a informação de que o senador Acir Gurgacz, que busca a reeleição, estava com seu registro indeferido. Em parte é verdade, mas ele vai disputar o cargo. Ocorre que devido ao indeferimento do pai de Acir, o empresário Assis Gurgacz (primeiro suplente), toda a chapa foi impugnada. Para resolver o problema, o senador trocará seu suplente. Enquanto isso, continuam todos indeferidos.

Removido

O Procurador do Ministério Público Federal (MPF) Douglas Ivanowski Kirchiner, acusado por sua esposa T.S.A de agressão, cárcere privado e outras humilhações físicas e verbais foi transferido do Ministério Público Federal de Rondônia para o Ministério Público Federal em Brasília. A decisão partiu do Conselho Superior do Ministério Público, em sessão no último dia 5.

Complicada

A igreja evangélica a qual o procurador integra, Hadar, fica situada no centro de Porto Velho e foi apontada, pela delegacia de proteção a criança e adolescente, como “exploradora de menores”. De acordo com a especializada, a denominação religiosa está explorando crianças e adolescentes a exercerem trabalhos durante noite e madrugada, onde os menores são ordenados a vender sanduiches em vias públicas  da capital em benefício da igreja e também a realizar serviços de faxina no templo. A denúncia feita em boletim de ocorrência de nº 14E1024001047, da conta que a congregação possui igrejas na Vila Princesa, Bairro Jardim Santana, e principalmente as crianças da igreja localizada na zona Leste estão sendo mais exploradas, com justificativas de vender para construir um novo templo no local.

Campanha

A informação ainda é extra-oficial, mas a presidente Dilma Roussef (PT) deverá estar em Rondônia ainda este mês para participar de gravações de seu programa eleitoral na usina de Jirau. A visita é de campanha mesmo, ela deverá passar o dia no local, com direito a almoço com a peãozada e muitas imagens para o programa eleitoral. A visita deve acontecer na segunda quinzena de agosto.

Sem data

Já o presidenciável Aécio Neves virá a Rondônia, mas ainda não tem data definida. Segundo informou Expedito Júnior, candidato ao governo pelo mesmo partido de Aécio, “ele virá com toda a certeza, só não posso dizer a data em função da agenda apertada dele”.

Ainda os crimes

A polícia civil de Rondônia está devendo para a população a solução dos crimes em Alto Paraíso, onde foram assassinados vereadores e empresários. Crimes de encomenda que não foram esclarecidos. Interessante observar no material de campanha do candidato Marcelo Bessa que ele afirma ter “pacificado a região da grande Ariquemes”. Só não resolveu o Caso Naiara, a morte dos auditores, os crimes de Alto Paraíso…

Enquanto isso

Denis Baú sofreu mais uma derrota em sua tentativa de permanecer à frente da FIERO. Uma decisão da 5ª Vara do Trabalho do último dia 7, proibiu qualquer tipo de alteração no estatuto da entidade, conforme ele tentaria fazer nesta sexta-feira, 8. A proibição vale até o dia 31 de janeiro de 2015.

Feriado

Na segunda-feira, 11, os tribunais estarão fechados em função do feriado do “Dia do Advogado”. A Secretaria Judiciária do Tribunal Regional Eleitoral funcionará das 08h às 19h e os Cartórios Eleitorais das 13h às 19h. As demais atividades serão retomadas normalmente na terça (12). Na segunda a OAB promove o tradicional almoço do dia do advogado, em seu clube, na rua Rio de Janeiro, 6112, bairro Lagoinha, na capital.

Ainda a advocacia

Estados fechando a segunda edição do “Anuário Advogados de Rondônia”, que circula aqui e fora do Estado. Contatos para informações podem ser feitos pelos telefones (69) 9363-1909 ou (69) 3225-9979, falar com Muryllo.

Aprovadas

Durante assembleia geral realizada na sexta-feira (01), a diretoria do Sindicato dos Urbanitários do Estado de Rondônia – Sindur, se reuniu com trabalhadores e trabalhadoras Urbanitárias no auditório do Sindicato dos Servidores Públicos Federais – Sindsef, para apresentação da Prestação de Contas do sindicato, exercício 2013. A assembleia foi conduzida pelo presidente do Sindur, Nailor Gato, que leu o parecer do Conselho Fiscal e apresentou a Demonstração Anual do exercício 2013. Aprovada por unanimidade entre os Urbanitários, a prestação de contas contou com a presença do secretário de finanças e a assessoria contábil contratada pelo Sindur para esclarecer todas as dúvidas do filiados e filiadas.

Fale conosco

Pelos telefones (69) 3225-9979 ou 9363-1909. Também estamos no Facebook.com/painel.político e no Twitter (@painelpolitico). Caso prefira, envie correspondência para Rua da Platina, 4326, Conjunto Marechal Rondon. Para fazer parte de nossos grupos no whatsapp envie um whats para 9248-8911 com a seguinte informação: nome+sobrenome+NOTÍCIAS (apenas para receber informações); Caso queira participar de debates e interagir com os demais membros envie nome+sobrenome+DEBATES; Não incluímos ninguém por indicação, a própria pessoa deve enviar o pedido. Notícias são enviadas até às 22 horas, a partir desse horário só se for algo de grande relevância. Também estamos com grupos no aplicativo Telegram. Para mais informações acessehttp://painelpolitico.com/grupos-de-noticias.

Cientistas usam células humanas para regenerar medula espinhal de ratos paralisados

As células da pele de um homem, de 86 anos, foram transformadas em células nervosas capazes de crescer dentro da medula espinhal danificada de ratos paralisados. A experiência aumentou a perspectiva de que a técnica pode ser usada para tratar pacientes paraplégicos com lesões na coluna vertebral. Os cientistas descobriram que as células da pele retiradas do idoso podem ser reprogramadas em células nervosas ou neurônios adultos, usando uma técnica chamada célula-tronco pluripotente induzida (iPS). Quando os neurônios humanos foram transplantados para os animais, as conexões nervosas ou “axônios” cresceram em linha reta, através da região danificada da medula espinhal e até entraram no cérebro, disseram os cientistas. No entanto, não houve melhora funcional correspondente na paralisia dos ratos, de acordo com um estudo publicado na revista “Neuron”. Muitos projetos de pesquisa visam encontrar uma maneira de usar células-tronco para reparar lesões na medula espinhal, especialmente nas primeiras semanas após um acidente, que pode ser o melhor momento para a regeneração de nervos danificados.

 

Coluna – Delegado do Caso Naiara está sendo transferido

Essa transparência…

O PMDB do governador Confúcio Moura recebeu, a título de doação de campanha, R$ 500 mil da construtora Andrade Gutierrez, que por uma daquelas coincidências do destino integra o consórcio construtor das usinas do Madeira. Alguém lembra da tal isenção que o governo queria dar? Já o candidato Confúcio Moura recebeu como doação a quantia de R$ 60 mil do Centro Médico Anestesiológico de Rondônia. Por acaso essa empresa está me processando por que a coluna divulgou, em novembro de 2013, que a mesma detém um contrato milionário com o governo do Estado. Eles querem 300 salários mínimos de indenização.

Já o Bessa

Quem estava curioso sobre o financiamento da campanha do delegado da Polícia Federal Marcelo Bessa que tenta uma vaga em Brasília vai a resposta. De acordo com o sistema de prestação de contas do Tribunal Regional Eleitoral ele recebeu uma doação no valor de R$ 30 mil da empresa Cairu Transportes. Já o senador Acir Gurgacz, que busca a reeleição, recebeu uma doação no valor de R$ 100 mil de seu pai, o empresário Assis Gurgacz. O ex-diretor do DER, Lúcio Mosquini, que é candidato a deputado federal alega ter recebido até agora R$ 35 mil, sendo que R$ 10 mil foram doados por ele próprio a sua campanha. O deputado federal Nilton Capixaba, que busca a reeleição, afirmou ao TRE ter recebido dele próprio, R$ 2 mil.

Mudança

O delegado Nestor Romanzini, titular da Delegacia de Patrimônio e responsável pelo inquérito de nº 019/2013 (Caso Naiara) está sendo transferido para outra função, o que na prática quer dizer que o inquérito deve esfriar ainda mais.

Aliás

Esse caso é emblemático também pela decisão da juíza Euma Tourinho, que ao revogar a prisão preventiva de um dos acusados de participar do crime afirmou, “revogo, por ora, a prisão preventiva decretada em face de Wagner Strogulski eis que a despeito da falta de eficiência da polícia em localizar o seu paradeiro e da falta de lealdade processual da defesa em identificar o local onde poderia ser encontrado não há qualquer notícia a respeito de intimidação de testemunhas ou outro que o valha que justifique a sua custódia cautelar, ou seja, solto até o presente momento não procurou, de qualquer forma, conturbar o andamento do processo”.

Com isso

É como se jogassem uma pá de cal sobre o complicado inquérito da morte da jovem de 18 anos, que foi estuprada por cinco elementos e foi esfaqueada cerca de 20 vezes.

Outro

Crime que continua sem solução é o assassinato do auditor fiscal Robson Luis Santos da Silva, que completou um mês neste dia 7. O crime acontece em uma área residencial na zona Norte da Capital. Dois homens armados desceram de um carro modelo Astra disparando vários tiros, e um deles atingiu a cabeça de Robson Luis que morreu no local. Outro crime em aberto foi registrado em 19 de setembro de 2008, data em que outro auditor da receita, Armando Dalarte foi executado em plena luz do dia, no centro de Ji-Paraná por quatro tiros, disparados por um pistoleiro em uma moto. Até hoje a polícia não tem pistas.

Veto

E o governo de Rondônia vetou o projeto de “auxílio-aluguel” que atenderia os desabrigados da maior enchente registrada na história de Rondônia. A proposta havia sido aprovada na Assembleia e prevê o repasse de R$ 600 a cada família atingida. De acordo com a justificativa do Governo, a proposta apresentada buscava amenizar os efeitos derivados do período pós-cheia, superado o momento em que o rio Madeira atingiu níveis alarmantes de volumes de água. “No entanto, a matéria, nos moldes propostos, esbarra em inconstitucionalidade, seja pelo vício de iniciativa ou mesmo pela ausência de previsão orçamentária”.

Mas então…

Pera lá, ajudar os desabrigados não pode, mas querer dar dinheiro para o Flor do Maracujá…

Falando nisso

O Ministério Público do Estado interviu e o arraial deve acontecer, mas com nova formatação. Antes o estado repassava os recursos para entidades que contratavam serviços de sonorização, arquibancadas e palcos. Agora o Estado vai contratar esses serviços, através de licitação, evitando dessa forma a contratação de empresas inidôneas. A idéia é fechar o ralo. Ano passado o governo chegou a pagar R$ 2 milhões a uma emissora de TV que fez a transmissão do evento.

11 de agosto

É comemorado o Dia do Advogado e a OAB de Rondônia promove seu tradicional almoço no Clube do Advogado, a partir do meio-dia. Já no dia 21 acontece a XII Conferência dos Advogados do Estado de Rondônia, a partir das 19h30 no auditório da entidade.

Ainda a advocacia

Estados fechando a segunda edição do “Anuário Advogados de Rondônia”, que circula aqui e fora do Estado. Contatos para informações podem ser feitos pelos telefones (69) 9363-1909 ou (69) 3225-9979, falar com Muryllo.

Polêmica

E já que o assunto é advocacia, a Câmara dos Deputados aprovou em sessão terminativa a figura do “paralegal”, que é a permissão para que bacharéis (diplomados em Direito sem OAB) possam atuar em algumas situações. Falta a matéria ser aprovada no Senado. A OAB nacional já se manifestou contrária ao projeto. Metendo o bedelho na conversa é bom ressaltar que a prova da Ordem é um filtro e nem á tão difícil ser aprovado. O problema maior é a qualidade de grande parte das instituições de ensino superior, que deixa a desejar. Se o acadêmico não tem uma graduação de qualidade, dificilmente conseguirá a aprovação.

Censura

E em Vilhena a promotora Yara Travalon Viscardi, impôs uma série de restrições à imprensa da cidade, através de “recomendação”, que fica impedida de divulgar ações dos diversos candidatos às eleições. A promotora afirmou que se não forem cumpridas podem configurar crime de desobediência e aplicação de multa. Para ela, a imprensa não pode nem mesmo exibir fotos de candidatos, a agenda, visitas, reuniões, “comícios e ainda de sua proposta de Governo, devendo sempre se evitar enaltecer e/ou dar destaque às ações, projetos, propostas e outras atividades de qualquer candidato”. Desse jeito fica difícil trabalhar…

Fale conosco

Pelos telefones (69) 3225-9979 ou 9363-1909. Também estamos no Facebook.com/painel.político e no Twitter (@painelpolitico). Caso prefira, envie correspondência para Rua da Platina, 4326, Conjunto Marechal Rondon. Para fazer parte de nossos grupos no whatsapp envie um whats para 9248-8911 com a seguinte informação: nome+sobrenome+NOTÍCIAS (apenas para receber informações); Caso queira participar de debates e interagir com os demais membros envie nome+sobrenome+DEBATES; Não incluímos ninguém por indicação, a própria pessoa deve enviar o pedido. Notícias são enviadas até às 22 horas, a partir desse horário só se for algo de grande relevância. Também estamos com grupos no aplicativo Telegram. Para mais informações acessehttp://painelpolitico.com/grupos-de-noticias.

Baixos níveis de vitamina D podem dobrar riscos de demência e mal de Alzheimer

Uma nova pesquisa sugere que pessoas mais velhas que não receberam a quantidade suficiente de vitamina D podem ter o dobro de chances de desenvolver demência e mal de Alzheimer. Publicado esta semana, no jornal “Neurology” da Academia Americana de Neurologia, o estudo é considerado um dos maiores já realizados sobre o assunto. O estudo analisou os níveis de vitamina D no sangue dos pacientes, obtidos a partir de alimentos, suplementos e exposição ao sol. A vitamina D é encontrada em peixes oleosos como o salmão, atum ou cavala, além e leite, ovos e queijo, e sua síntese é feita pela exposição ao sol. O estudo descobriu que as pessoas com baixos níveis de vitamina D tinham uma propensão 53% maior em desenvolver demência, enquanto aqueles que eram severamente deficientes corriam um risco 125% maior, em comparação a participantes com níveis normais de vitamina D. Além disso, pessoas com níveis mais baixos de vitamina D eram quase 70% mais propensas a desenvolver o mal de Alzheimer e, para aqueles que tinham deficiência grave, as chances aumentavam 120%.

Coluna – TRE libera Ana da 8 e Garçon; Pai de Gurgacz está fora

Indeferido

O Tribunal Regional Eleitoral indeferiu, nesta quarta-feira por unanimidade, o pedido de registro de candidatura de Assis Gurgacz, que pretendia uma vaga de 1º suplente na chapa de seu filho, o senador Acir Gurgacz. A Corte entendeu que ele não preenche os requisitos de elegibilidade em função de condenação.

Deferido

Lindomar Garçon, ex-deputado federal conseguiu, também por unanimidade, o registro de sua candidatura e vai disputar uma das 8 vagas na Câmara Federal. Ele compõe a mesma coligação de Lúcio Mosquini, Nilton Capixaba e Marcelo Bessa.

Falando em Bessa

Tem muita gente querendo saber de onde está vindo o dinheiro de sua campanha. Até onde se sabe, Bessa é servidor público federal (assalariado), não tem bens substanciais (declarou um lote em Campina Grande, na Paraíba e um Honda Civic 2012). Porém, pretende gastar R$ 3 milhões em sua campanha. E mais, montou comitês em Porto Velho e outros municípios e vem cooptando lideranças para sua candidatura. Quem acompanha o cotidiano político sabe bem que liderança, combustível e material de campanha não vem de graça.

Ainda os julgamentos

Na sessão de terça-feira que concedeu o registro de candidatura de Expedito Júnior vale ressaltar o trabalho dos advogados do agora candidato ao governo. Diego Vasconcelos e Marcio Nogueira conseguiram, através de argumentos bem embasados, expor para a Corte a complexa situação de forma suscinta. Quem tinha dúvidas sobre o caso as deixou de lado na sustentação oral. Vasconcelos, que fez especialização na universidade americana de Harvard ano passado, obteve uma importante vitória diante de uma situação que parecia perdida, afinal, eram muitas forças contrárias ao deferimento desse registro.

Chapa completa

Carlos Magno, deputado federal que concorre a vice-governador na chapa de Jaqueline Cassol também conseguiu obter seu registro de candidatura. O Solidariedade, que vinha causando uma confusão danada no cenário eleitoral vai manter coligação com PSD e PEN na proporcional. Quem também conseguiu o registro e estava esfuziante em seu perfil no Facebook era a deputada Ana da 8, que disse, “Deus é fiel , estou definitivamente registrada na campanha estamos de pe no chão,acho só que quem dizia tanto de mim, deveria votar agora em mim e reconhecer que estou pronta pra continuar meu trabalho”.

Olha essa

O candidato derrotado nas últimas eleições do Sindicato dos Urbanitários (SINDUR) Raimundinho Viana encaminhou e-mail com uma série de questionamentos sobre os gastos da atual diretoria. Segundo ele, a prestação de contas referente ao exercício de 2013, encaminhado por e-mail em 9 de junho deste ano, é cheia de anomalias, entre elas o fato do sindicato gastar cerca de R$ 2.600 por mês com assessoria de imprensa. Segundo Raimundinho, “quase a totalidade das matérias já vem prontas, elaboradas pela Federação”.

Ele também

Questiona os gastos na totalidade. Segundo ele, foram pouco mais de R$ 2 milhões e o sindicato não apresenta resultados satisfatórios. Ele enumerou 11 pontos em seu e-mail e pede esclarecimentos ao presidente, Nailor Gato.

Ibope

O IBOPE começou a trabalhar nesta terça-feira nas principais cidades rondonienses em uma  pesquisa que deverá ser divulgada no final de semana, provavelmente sábado, pela TV Rondônia. Esta é a primeira de três pesquisas no primeiro turno. 812 pessoas estão sendo ouvidas. As sondagens são para a intenção de voto ao Governo, Senado e ainda para aferir a rejeição do Governo e do governador.

Encolheu

Pesquisa realizada por entidades ligadas às micro, pequenas e médias empresas da indústria, comércio e serviços de Rondônia indica uma queda grande de faturamento e desemprego no setor. Foram ouvidos 120 empresários e 68,67% registraram perda da lucratividade, sendo que apenas 2,42% deles aumentaram os lucros. A pesquisa também constatou uma queda de 14,90% do número de postos de trabalho. No período em análise, 31,93% das empresas ficaram com o quadro de pessoal estável, 15,12% contratararam novos funcionários e os demais, 14,90% , demitiram. A pesquisa foi feita em Ariquemes, Cacoal, Cerejeiras, Guajará-Mirim, Jaru, Ji-Paraná, Pimenta Bueno, Porto Velho, Rolim de Moura e Vilhena, comparando os meses de janeiro a maio de 2013 com o mesmo período de 2014. Das empresas abordadas, 29,16% são da Capital e 70,83% do interior do Estado.

Já conferiu?

A OutBeer está com um empório cheio de produtos importados e diferenciados para a linha gourmet, ideal para quem gosta de cozinhar. E para acompanhar o prato, você pode escolher dezenas de rótulos de cervejas importadas e nacionais além de uma carta de vinhos diversificada. Se preferir pode tomar uma cerveja por lá mesmo e provar pratos elaborados da cozinha nacional e internacional. A OutBeer fica na Calama esquina com João Goulart.

Fale conosco

Pelos telefones (69) 3225-9979 ou 9363-1909. Também estamos no Facebook.com/painel.político e no Twitter (@painelpolitico). Caso prefira, envie correspondência para Rua da Platina, 4326, Conjunto Marechal Rondon. Para fazer parte de nossos grupos no whatsapp envie um whats para 9248-8911 com a seguinte informação: nome+sobrenome+NOTÍCIAS (apenas para receber informações); Caso queira participar de debates e interagir com os demais membros envie nome+sobrenome+DEBATES; Não incluímos ninguém por indicação, a própria pessoa deve enviar o pedido. Notícias são enviadas até às 22 horas, a partir desse horário só se for algo de grande relevância. Também estamos com grupos no aplicativo Telegram. Para mais informações acessehttp://painelpolitico.com/grupos-de-noticias.

Tomar aspirina diariamente por 10 anos reduziria ‘drasticamente’ risco de câncer

Além de estancar a dor e diminuir febres, cientistas descobriram o que seria mais um benefício da boa e velha aspirina. De acordo com um estudo da Universidade Queen Mary de Londres, o hábito de tomar ao menos um analgésico por dia poderia reduzir drasticamente os riscos desenvolver de câncer. Ao longo de um período de 20 anos, mais de 130 mil mortes poderiam ser evitadas somente no Reino Unido, segundo a pesquisa. A aspirina foi originalmente desenvolvida como um analgésico para a febre e inflamação há mais de um século. Mas ao longo dos anos, o remédio também provou ser útil para reduzir os riscos de ataques cardíacos e acidentes vasculares cerebrais. Por outro lado, doses exageradas de aspirina também causariam sangramento do estômago, fatal em alguns casos. Mas a equipe de cientistas da Universidade Queen Mary considera que seus benefícios superam os malefícios. Para isso, pacientes teriam de tomar aspirina por um período entre cinco anos e 10 anos. Pessoas de 50 a 65 anos, por exemplo, deveriam ingerir regularmente comprimidos de baixa dosagem, de 75mg. Os resultados são promissores, garantem os cientistas. A aspirina conseguiria reduzir casos de câncer de intestino em cerca de 35%, e as mortes, em 40%. O remédio também rebaixaria as taxas de câncer de esôfago e estômago em 30%, e as mortes por eles, em até 50%.

 

Coluna – Valter Araújo acredita que pode voltar à Assembleia

Ressurreição

O ex-deputado estadual e ex-presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia, Valter Araújo, que apresentou-se à justiça na última quinta-feira, após quase dois anos foragido, anda otimista em relação a seu futuro e acredita, de fato, que pode reverter sua situação, e talvez até, voltar ao cargo antes do fim do mandato, que em tese, encerraria em 2014. Só que Valter terá uma longa estrada até conseguir essa proeza, se conseguir.

Explico

Contra o ex-parlamentar estavam em aberto 19 mandados de prisão. Quando ele fugiu eram apenas 2. Sabe-se lá aconselhado por quem, ele resolveu que ficar na condição de foragido da justiça era uma opção melhor que enfrentar e resolver as acusações que pesavam contra ele. Sem defesa, os processos correm à revelia e tramitam muito mais rápido.

Valter Araújo

Está dividindo a mesma cela que Alberto Siqueira e Fernando Serrão.

Cenário

Em conversa com especialistas, as previsões sobre o futuro político de Valter não são nada otimistas. A maioria acredita que ele não consegue deixar o presídio antes do natal. Recuperar o mandato é praticamente impossível e como ele foi cassado, está inelegível por oito anos, a contar de janeiro de 2014. Se ele não tiver nenhuma condenação, estará apto a disputar eleições em 2022, mas essa possibilidade é bastante remota.

Podcast

Ouça a coluna:

Logística

“Isso não é porto nem aqui, nem em lugar algum do mundo”. A frase é do jornalista da Rede Globo Marcos Losekan, que está em Rondônia produzindo reportagem sobre a precária falta de estrutura e investimentos nos portos que compõe a hidrovia do Madeira. O material, que não alivia em nada o “governo da cooperação”, apresenta um raio-X do setor, que capenga por essas bandas há anos. No governo Cassol o porto era um cabide de emprego e na gestão Confúcio não mudou muita coisa. Por lá ficam aqueles que querem sair do foco. Dessa vez, não deu certo. Os holofotes do País vão iluminar os galpões enferrujados e precários.

Pressão

O empresário Mário Português vem conquistando espaço dentro do PMDB e já ameaça o cansado Confúcio Moura. Por mais que o governador venha se esforçando, ele agora está até inaugurando metro de asfalto, a coisa não está surtindo efeito e seu nome continua despencando nas pesquisas de opinião. A ala ligado ao senador Valdir Raupp é a que mais torce pela ascensão de Português. Também, pudera. Raupp trabalha com pesquisas rotineiras e elas apontam que a rejeição do empresário lusitano é praticamente zero, em relação a Confúcio.

Evidente

Que Confúcio está no jogo, afinal, é governador e tem a máquina na mão. Português já mandou recado e disse que não aceita ser vice em uma chapa puro-sangue, “e nem em chapa nenhuma”. Com perfil de liderança fica de fato complicado não ter o comando. Em 2010 Confúcio também não era o candidato do PMDB, que preferia Sueli Aragão. Em uma convenção tensa em Ji-Paraná Confúcio conseguiu ser o candidato. Resta saber se o PMDB vai rachado, o que é mais provável, ou o DNA fisiologista vai falar mais alto, o que também não pode ser descartado.

Enquanto isso

Confúcio mantém a velha mania de exonerar seu pessoal na surdina. Trocou o secretário de Administração Rui Vieira pela atual adjunta, Carla Mitsue Ito. Também trocou a procuradora Maria Rejane por Jane Maynhone. Isabel Luz, que esperneou mas não se manteve foi trocada por Emerson Castro, que deixou a SEDES no comando de Evandro César Padovani.

Complicado a bessa

Perdoem o trocadilho, mas a situação do secretário de Defesa Marcelo Bessa, cujo status há dias atrás era classificado de “firme como uma rocha”, passou a ser de “firme como uma estaca fincada na areia”.

Explico

Em conversa com interlocutores pŕoximos, Confúcio se diz incomodado com os resultados, nada satisfatórios da famigerada Operação Apocalipse. Reputações foram destruídas em condições nada convincentes e a lama respingou diretamente no governo, talvez por erro de cálculos ou por falta de conhecimento prévio sobre quem era quem naquele tabuleiro. Algumas figuras foram expostas desnecessariamente e outras que nunca tinham aparecido, vieram à tona. Um dos casos mais graves foi a prisão de Lânia Silva, então lotada na Casa Civil e trabalhava diretamente para Mangabeira Unger, pessoa a qual Confúcio tem grande admiração e respeito. O ex-ministro está incomodado com a situação e andou cobrando providências.

Outra

Confúcio se viu em uma sinuca de bico com Bessa. Não tem como exonerá-lo para que não pareça que cedeu aos deputados. E pior, se fizer isso, admite publicamente que a operação teve erros graves. Também está com dificuldades em mantê-lo em função da insatisfação de parte da polícia com o atual ocupante da pasta. Aborrecido, o governador tem evitado falar sobre o assunto em público e faz o jogo que sempre fez, cara de desentendido. Vamos ver como ele sai dessa situação.

Exemplo

Um juiz de Rio Branco devolveu ao Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC) R$ 1.488,32 que foram “equivocadamente creditados” na conta dele, em setembro, a título de auxílio-alimentação.  Em agosto, o TJ instituiu o auxílio-alimentação para juízes e desembargadores, como verba de natureza indenizatória, e não remuneratória. O valor corresponde a 3% do subsídio dos magistrados até 31 de maio de 2014 e  de 5% do  partir de 1º de junho de 2014. O salário dos desembargadores é de R$ 25, 3 mil e o dos juízes de direito de entrância final de R$ 24 mil. Em ofício enviado nesta terça-feira (1) ao presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Roberto Barros, o juiz Ednaldo Muniz, do 2º Juizado Especial Criminal da Comarca de Rio Branco, argumenta que, diferentemente do verificado no âmbito dos outros Estados da Federação e da União Federal em relação ao auxílio alimentação, não existe, no Estado do Acre, lei estadual assegurando o recebimento do benefício por magistrados, membros do Ministério Público e funcionários. O juiz ressalta que as outras parcelas já creditadas (ou que eventualmente ainda vierem a ser creditadas) serão oportunamente devolvidas e informadas, depois de disponibilizados os contracheques respectivos no “Portal dos Magistrados”.  Ele pediu que a verba não seja mais creditada em seu favor.

Fale conosco

Pelos telefones (69) 3225-9979 ou 9363-1909. Também estamos no Facebook.com/painel.político e no Twitter (@painelpolitico). Caso prefira, envie correspondência para Rua da Platina, 4326, Conjunto Marechal Rondon.

Estresse aumenta risco de demência em mulheres de meia idade

O estresse aumenta o risco de demência, pelo menos em mulheres de meia idade, segundo pesquisadores suecos. Durante 37 anos, eles acompanharam 800 mulheres que tiveram que lidar com situações como divórcio, luto, problemas no trabalho ou doença. Publicado na revista “BMJ Open”, o estudo aponta que quanto mais situações estressantes, maior o risco de desenvolver doenças, como o mal de Alzheimer. Segundo os pesquisadores, os culpados deste resultado podem ser os hormônios do estresse, a adrenalina e o cortisol, que provocariam alterações prejudiciais no cérebro. Estes hormônios podem causar uma série de mudanças no corpo, como afetar a pressão sanguínea e o nível de açúcar no sangue. O estudo começou em 1968, com mulheres entre 38 e 54 anos. Elas foram reexaminadas nos anos subsequentes, até 2005. No início da pesquisa, uma em cada quatro mulheres disse ter passado por pelo menos um evento estressante. Uma em cada cinco tinha pelo menos três eventos de estresse. As demais tinham experimentado mais do que isso ou nenhum. Destas, 425 mulheres morreram e 153 desenvolveram demência, sendo 104, o mal de Alzheimer.