TRT determina prisão de Iacira em caso de nova desobediência

A Caerd também foi multada pelos desmandos da gestora.

Em julgamento de Embargos de Declaração no processo 0000849-95.2016.5.14.0001, o magistrado José Roberto Coelho Mendes Júnior determinou a prisão de Iacira Azamor em caso de nova desobediência, em relação ao repasse da contribuição sindical. A empresa desconta a contribuição na folha de pagamento dos colaboradores, mas não repassa à entidade representativa.

A Caerd, de acordo com o Sindur, vem reiteradamente deixando de repassar a contribuição, e só repassa após decisões judiciais, que implicam em multas para a companhia, gerando prejuízos com dinheiro público, já que essas multas são pagas com recursos públicos.

A Caerd também foi condenada em R$50.000,00 pelos descumprimentos reiterados das decisões judiciais.

A Decisão foi prolatada em 04 de Abril de 2017.

Tribunal de Contas e MP, corram para responsabilizar a Iacira, a destruidora.

Anúncios
Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Participe do debate. Deixe seu comentário